Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Café, Canela & Chocolate

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Café, Canela & Chocolate

30
Mai13

Road trip com miúdos 3: casamento à espanhola


Sofia Serrano

Acordamos cedo, como costume, com o mais pequeno a conversar naquela língua que só ele percebe. Rapidamente a mana se levanta também e lá andam a explorar o quarto de hotel. Leitinho para o P. e  descemos para o pequeno-almoço, o delírio da M., que adooora pequenos-almoços em hotéis e quer sempre petiscar tudo!
Depois temos a manhã livre para explorar a zona. Perto do hotel há um parque infantil, que se torna rapidamente paragem obrigatória. Está calor e um céu azul, sem nuvens. Tivemos sorte com o tempo, e os vestidinhos para o casamento não vão precisar de agasalho extra. Sabem tão bem uns dias fora!




Gosto de passear pelas ruas, ver as cores das casas, sentir o sol. A M. brinca com umas espanholitas, percebe pouco do que dizem mas a linguagem da brincadeira é universal.
Voltamos ao hotel e toda a família se põe bonita num instante ( a minha oportunidade de usar aquelas coisas na cabeça que se usam em Espanha!).
O casamento é numa catedral fabulosa. A M. delira com a entrada da noiva. O P. começa a reclamar com fome. Levo-o para a rua e à sombra da catedral, a ver os pássaros lá come a sopinha enquanto aponta para todo o lado. Está calor, muito calor. 
Entretanto começam a sair nuestros hermanos da igreja (não, a cerimónia ainda não acabou) e decidem sentar-se mesmo ali na esplanada em frente à catedral e pedem tapas e canas. Resolvo fazer o mesmo.





Os noivos saem da igreja. 
Voam papelinhos e ouvem-se exclamações de felicidade em duas línguas.
A festa continua. 
Um palácio, jardins verdes, fontes. Animação, comida. Festa à espanhola pela noite dentro.
Pais com miúdos a caminho do hotel mais cedo.



 Para seguir o café, Canela & Chocolate no facebook é aqui.

29
Mai13

Dúvida.


Sofia Serrano

...não sei se o sono brutal que tenho tem a ver com o facto de ter estado até agora no bloco operatório (e um daqueles gases manhosos ter-se escapado), se com o facto de o P. continuar a acordar n vezes durante a noite, se como facto de estar a TENTAR acabar o IRS.

(provavelmente tudo junto.)
28
Mai13

Pintar a imaginação (e um giveaway!)


Sofia Serrano

A imaginação das crianças é das coisas mais maravilhosa. 
Isso e a sinceridade com que vivem as coisas e dizem o que lhe vai na alma.
E uma das melhores maneiras de se expressarem é através do desenho. 
Primeiro rabiscos mais ou menos coloridos, depois formas que vão ganhando sentido. 
Quem não adorava desenhar e pintar quando era criança?
Por isso, marcadores, lápis e tintas são sempre bons presentes para os miúdos. 
Estes são do IKEA e ficam em conta.



E são desenhos destes que ficam para mais tarde recordar:




E porque o Dia da Criança está aí a chegar, o Café, Canela & Chocolate e o i feel green associam-se para lançar um passatempo e vão oferecer uma almofada feita com um desenho dos vossos miúdos - para que os desenhos e a imaginação dos mais pequenos fiquem para sempre registados!

Só precisam de:
- gostar do i feel green no facebook aqui
- gostar do Café, Canela & Chocolate no facebook aqui
- tornarem-se seguidores do blog Café, Canela & Chocolate (é só aderir no canto superior direito)
- partilhar publicamente esta foto de uma almofada ifeel green (que vai estar no facebook do Café, Canela & Chocolate, aqui) e deixar como comentário "Vivam as crianças!"


Podem participar até dia 2 de Junho (até duas partilhas por dia). Anunciamos o vencedor no dia 3, que será escolhido através do site random.org.
Vivam as nossas crianças!

28
Mai13

Road Trip com miúdos 2: a viagem


Sofia Serrano

Acordo com uma miúda hiperexcitada. São 5:00 da manhã. Queria sair cedo, mas também não exageremos! Explico-lhe que sim, vamos para Espanha hoje, mas que ainda pode ir dormir mais um bocadinho ( e eu também!). Lá se convence e volta para o quarto (e felizmente não resolveu acordar o mano também, que dorme no mesmo quarto que ela!).
Claro que na altura de acordar para sairmos, dormiam os dois pacificamente. Carro carregado, família alimentada e cá vamos nós em direcção à terra de nuestros hermanos!
GPS com uma senhora mais simpática que a anterior, CDs com as histórias tradicionais com música (obrigada senhores do Pingo Doce!), água, fruta e bolachinhas, boiões de fruta e afins no banco de trás. Músicas da Disney, Snow Patrol, Ana Carolina, One Republic. Uma mochila com brinquedos.
Vinte minutos depois de termos saído, já se ouve a M. a perguntar "Mãeeee, já estamos em Madrid?"....Lá volto a explicar que vai ser uma viagem comprida. E ela muito tranquilamente pega na mochila e começa a tirar brinquedos. O pequenino dorme. Parece que as coisas vão correr bem.


Em Sevilha lá paramos para pôr gasolina (que afinal não está muito mais barata que em Portugal) e esticamos as pernas. O P. também sai da cadeirinha, e faz o que ele mais gosta no carro - sentar-se ao volante, carregar na buzina e espalhar CDs! Petisca-se qualquer coisa. E prometemos parar em Mérida para almoçar, o que deixa a M. super-excitada : "Mãe, é lá que vive a princesa? Vamos ver a Mérida??? Yes!!!!" (não é bem, mas pronto, a motivação é importante)
Pelo caminho  conversamos sobre a escola e os amigos. Ela faz perguntas sobre Espanha e Portugal, porque é que nós já não temos reis e em Espanha há. Vê muitos palácios e castelos pelo caminho e sente-se uma princesa. O P. vai brincando com o ursinho musical e também não refila.


Paramos em Mérida para almoçar. O primeiro contacto com a comida espanhola da M (o P. lá comeu a sopinha da mãe, feita nesse dia antes de sairmos, a olhar para os passarinhos que voavam por ali). "Queres sopa? Esta é uma sopa espanhola especial, chama-se Gaspacho" Claro que depois de perceber que por ali havia tomate ( que ela não gosta) fez cara feia e passou directa ao segundo prato, que devorou num ápice. E depois um docinho de sobremesa, que de vez em quando também faz bem. Sim, uma das coisas boas das viagens é que os miúdos ficam cheios de apetite e comem lindamente. O P. ainda andou a treinar a andar por ali (ainda com ajuda) e a M. brincou um bocado, porque ainda tinhamos umas boas horas de carro antes de chegar ao destino.


Tudo pronto, de volta ao carro. Muitas aves de rapina pelo caminho. O mais pequeno adormeceu, solidário com la siesta. A M. acha que já é crescida, e se puder fazer qualquer coisa para evitar dormir a sesta, é mesmo isso. Portanto, lá parámos mais umas vezes, porque se lembrou que queria fazer xixi e afins para evitar cair no sono.



Ao fim da tarde, avistamos Madrid. Depois de um percurso sem portagens até então (quase 700 km) lá pusemos a mão ao bolso para entrar na capital espanhola. O nosso destino era mais a norte, Alcalá de Henares, uma região considerada património da humanidade. Agora dormem os dois. A senhora do GPS manda-nos por um atalho manhoso para chegar ao hotel, e o carro consegue sobreviver ao trajecto.
Carro estacionado, check-in feito. O hotel parece confortável, mas no quarto só podiam por uma cama extra para a M. Acabámos por levar a cama de viagem para o P. e lá se colocou num recanto (nota mental: para a próxima, ficar num hotel family-friendly).
Os miúdos acordam. Tudo para o banho e depois ainda há energia para umas Tapas com os amigos (e os miúdos). A M. adora petiscos e andou a experimentar tudo, mas o balanço global da comida não foi muito positivo - pois se estava convencida que "croquetes espanhóis" eram os nossos croquetes, depois da primeira dentada sentiu-se enganada e a partir daí foi um rol de desilusões gastronómicas ("gosto mais da comida portuguesa!").



A festa espanhola acabou cedo (para nós). Os mariachi continuaram, a sangria e o vinho. Nós regressamos ao hotel, os miúdos a dormirem (um no carrinho, outro ao colo).
No dia seguinte há tempo para passear e à tarde para a fiesta.

Para seguir o Café, Canela & Chocolate no facebook é aqui.
27
Mai13

Cooperação ibérica


Sofia Serrano

...é quando um espanhol, já mais para lá do que para cá depois das tapas e das canãs, enfia o cartão do hotel na ranhura errada de acesso à garagem (e não percebe porque a porta não abre!) e aqui a portuga saca de uma pinça de arranjar sobrancelhas da carteira (qual Macgyver) e resolve uma potencial fonte de conflitos ibéricos (aproveitando depois para entrar também na garagem sem usar o respectivo cartão).
27
Mai13

Road Trip com miúdos 1: planear a viagem


Sofia Serrano

Tudo começou com um convite para um casamento em Espanha.
Uma óptima oportunidade para fazer um fim-de-semana prolongado, estar com os amigos, passear.
E um casamento espanhol! Uma festa gira, gira! Vamos lá!

E os miúdos? Levá-los ou não?

Nós somos daqueles pais que andamos com os miúdos atrás 
(sim, e eu sou uma mãe galinha assumida!) 
Sei que podiam ficar com os avós, mas eu sou daquelas mães que depois passava a viagem a pensar o que estavam a fazer, se estariam bem (e telefonava de 5 em 5 minutos!). 
E nós adoramos viajar em família. 
Portanto, miúdos, sim.
E como ir?
Resolvemos ir de carro - acaba por ficar mais em conta e podemos levar mais tralha dos miúdos.
Claro que atravessar meia península ibérica com 2 miúdos pequenos exige planear as coisas, de modo a que a viagem seja o mais confortável possível para todos.
Planear o percurso é fundamental, em particular se formos para uma zona que não conhecemos. Com o GPS tudo é mais fácil, claro.
E depois é fazer as malas - roupa variada para os miúdos, porque o tempo é instável, fatiotas para o casamento, medicamentos para situações SOS, comida para o mais pequeno e uns snacks para os crescidos.

Problema:
O mais pequeno NÃO come de todo sopa de boiões - eu juro que já comprei todas as marcas possíveis e imaginárias e o resultado é sempre o mesmo: cara de agonia, fecha a boca e já não a abre (desafio as marcas de comida para bebés a arranjarem uma sopa que ele coma!). Portanto basicamente ele gosta é da sopinha com carne da mãe, acabadinha de fazer.
Solução:
Fazer sopa para levar em doses individuais, refrigerada, e colocar no frigorífico do hotel (correu bem!). Os boiões de fruta escapam :)



A não esquecer para o caminho, para conseguir sobreviver até ao fim do percurso:
- roupas confortáveis (vão passar muitas horas no carro, dormitar, brincar, o ideal é não serem muito quentes nem apertadadas)
- água e snacks para ir petiscando
- brinquedos para se distrairem e CDs com histórias e músicas infantis
- parar de 2 em 2h para esticar as pernas, tirar miúdos das cadeirinhas, refrescar as ideias e etc.

E pronto, estamos preparados para a viagem!
Mais dicas para sobreviver a uma Road Trip com os miúdos em breve!

Para seguir o Café, Canela & Chocolate no Facebook é aqui.
26
Mai13

Como conhecer todas as bombas de gasolina da peninsula ibérica (em 3 passos)


Sofia Serrano

1. Decidir fazer uma viagem a Madrid, DE CARRO, e partir do algarve.

2. Levar duas crianças, de preferência do menos de 5 anos.

3. Começar a viagem.

(sinto-me uma verdadeira ASAE ibérica, já inspeccionei as condições sanitárias de metade dos estabelecimentos espanhóis e quase todos os portugueses)

Para seguir o Café, Canela & Chocolate no facebook é aqui.
23
Mai13

Giveaway "Dia da Criança" - juntem-se a nós e ao Barrigas e Companhia!


Sofia Serrano

O Dia da Criança está aí a chegar!
Já falei aqui de algumas sugestões para prendinhas e actividades para os miúdos.
Como o Barrigas e Companhia sabe que o Dia da Criança é para passar em família, vem propor um programa giro, giro: uma manhã numa Quinta Pedagógica, a Quinta da Ponte, com muitas actividades divertidas e pedagógicas para todos e  ao mesmo tempo com um cariz solidário, revertendo a entrada para a Fundação Make a Wish.


O Café, Canela & Chocolate vai estar lá e vai ser concerteza uma manhã inesquecível.
Mas isto não é tudo.
O Café, Canela & Chocolate e o Barrigas e Companhia juntaram-se e vão oferecer a entrada a uma família seguidora do blog. 
Para participarem e se habilitarem a passar uma manhã comigo e com a minha família na Quinta da Ponte, só têm de:

- gostar do Barrigas e Companhia no facebook, aqui
- gostar do Café, Canela& Chocolate no facebook, aqui
- tornarem-se seguidores deste blog (no canto superior direito do Blog Café, Canela & Chocolate diz "aderir a este site")
- partilharem publicamente o panfleto com o passatempo no facebook e deixarem um comentário; podem partilhar duas vezes por dia até ao dia 29 de Maio
- o vencedor será escolhido através do site random.org no dia 30 e poderá passar a manhã com a sua família e com a família Café, Canela & Chocolate na Quinta da Ponte no dia 1 de Junho!




Digam lá que não é um programa giro?
Toca a participar!

Para seguir o Café, Canela & Chocolate no facebook é aqui.
22
Mai13

Carta aberta a São Pedro


Sofia Serrano

Querido São Pedro,
Sei que deves ser uma pessoa ocupada, aí a controlar as entradas no céu. Mas era mais pela tua função metereológica que eu te escrevo hoje, e agradeço desde já tirares uns minutinhos para me ler.
Chamo-me M.Sofia e moro num país pequenino à beira-mar, que se chama Portugal. Como muitos outros portugueses trabalho, e sou mãe de dois miúdos maravilhosos. 
O nosso país está numa fase um bocadinho complicada, com falta de emprego, dívidas, despedimentos em massa. Pessoas a passar fome.  Não está fácil cá viver. 
Mas há uma coisa que sempre nos animou no nosso país: o sol maravilhoso que brilha por aqui, o tempo ameno, o calorzinho bom na Primavera e Verão. 
Primavera e Verão, São Pedro, dizem-te alguma coisa? 
É que tenho a sensação que se calhar estás a trabalhar muito. 
E andas cansado. Ou pelo menos precisas que alguém te relembre que na Primavera e no Verão, a ideia é haver sol, calor, flores, passarinhos a cantar. Esquece o vento frio (polar!), chuva e nuvens cinzentas, não precisamos disso agora. 
O que nós queríamos mesmo era ir para a praia dar um mergulho no mar, fazer pic-nics à sombra de uma bela árvore, andar de manga curta, calções e havaianas. 
Isto que se passa de andarmos de casacos e collants no fim de Maio não pode ser, São Pedro.
Por isso, o melhor é mesmo admitires que não estás a conseguir dar conta do assunto. Tira umas férias. E deixa alguém a tratar de pôr um sol magnífico no céu e mandar vir o calor. Sabes, às vezes precisamos admitir que não conseguimos gerir bem as coisas - por exemplo, também os senhores que mandam aqui no nosso país precisavam fazer o mesmo que tu.
Enfim, espero que esta carta te ajude a mandares vir REALMENTE a Primavera e o Verão.

Um beijinho!

M.Sofia

PS. Pelo menos manda sol e calor este fim-de-semana que vamos até terras de nuestros hermanos a um evento chique, e nesses eventos não dá para ir de kispos e gorros. Muito agradecida.

Para seguir o Café, Canela & Chocolate no Facebook é aqui.

Pág. 1/4

Os meus livros

Captura de ecrã 2016-09-20, às 20.46.51.png

capa_formato_real-04.jpg

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D