Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Café, Canela & Chocolate

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Café, Canela & Chocolate

18
Out13

Crónicas de uma interna #12


Sofia Serrano

Tive uma professora de matemática - das melhores professoras que tive na vida - que me ensinou todo o tipo de truques para sobreviver (com mérito) ao exame de matemática do 12º ano. Mas acima de tudo, uma das dicas que ela me deu na altura tornou-se uma das minhas filosofias de vida. Lembro-me que ela dizia a todos para termos confiança no que sabíamos. E que a véspera do exame era um dia importante - não era um dia para entrar em stress, nem para estudarmos que nem loucos até à última da hora. Era um dia para relaxar - ir ao cabeleireiro e fazer uma taça de mousse de chocolate só para nós.
E desde essa altura, comecei sempre a fazer isso. A véspera do exame é dia de comer chocolate à vontade e mimar-me. É esse dia que eu tenho em mente, porque confesso que a semana antes é uma semana de coração acelerado, vontade de ler tudo outra vez, sensação de que sei tudo e no instante seguinte não sei nada. E quando alguém menciona uma "pré-eclâmpsia" ou "quisto do ovário", o meu cérebro começa automaticamente a abrir o ficheiro com o respectivo nome e os meus neurónios entram em sinapses automáticas, relembrando-me da epidemiologia, fisiopatologia, sinais e sintomas, diagnóstico, tratamento e outros que tais. Não sei bem desligar isto. E espero que funcione na altura indicada. Mas acima de tudo, espero que um corte de cabelo e uma tigela de mousse de chocolate tenham a capacidade de me tornar numa miúda calma, cheia de sabedoria - e acima de tudo, que me transformem numa especialista.

Wish me luck.

(espero que a próxima crónica tenha como título : "Crónicas de uma Especialista")



13
Out13

Já é hora?


Sofia Serrano

Ela nunca foi de dormir até tarde. 
Acho que desde que ela nasceu, há 5 anos, houve dois dias em que dormiu até às 10h. DOIS.
Por norma é uma madrugadora - às 7h está de certeza a pé. O que vale é que também vai para a cama cedinho.
Hoje, Domingo, aquele dia em que se pode e sabe bem estar na cama mais um bocadinho, e depois de me ter levantado às 5h para dar o biberon ao irmão (que continuou a dormir), sou acordada por um 

"Mãeeeee?! Então?? Já é hora de acordar!"

(respira)

Explico que é domingo, que ainda tenho sono, que ela pode brincar no quarto.

E volto a dormir. Durante cerca de 10 segundos.

"Mãeee!! Posso ir fazer xi-xi?" (vai lá...)

"Mãeee! Tenho fome!!! E sede!" (pronto, lá me levanto, dou-lhe leite e uma bolachinha, e o copo de água)

"Mãeeee! Não gosto de estar sozinha! E está escuro! Posso acender todas as luzes da casa?" 

E 5 segundos depois acorda o irmão, com aquela agitação toda.
E pronto. Resolvo ir fazer panquecas com chocolate.


12
Out13

Enfarinhados


Sofia Serrano

Cá por casa, a pizza faz-se em família. Juntamos farinha, água, azeite, sal, oregãos e amor qb. Há miúdos e graúdos enfarinhados (e às vezes bonecos). Há quem roube massa para comer, há quem fuja com o frasco de ketchup. Há risos.
Nós gostamos de pizza. E gostamos de a saborear e saber que fomos nós que a fizemos.





Os meus livros

Captura de ecrã 2016-09-20, às 20.46.51.png

capa_formato_real-04.jpg

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D