Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Café, Canela & Chocolate

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Café, Canela & Chocolate

30
Nov14

Aqui já é Natal


Sofia Serrano


Era para ser amanhã, mas num domingo em casa, todos juntos, foi impossível resistir. O mais pequeno anda em histeria a gritar que já tem uma árvore de Natal. Ela fica a olhar para as estrelinhas e os enfeites e diz que está muito bonita.
Eu fico a olhar para eles e agradeço.


30
Nov14

Sobre mim


Sofia Serrano

Queria ser astronauta em pequena, depois jornalista, mas acabei por me apaixonar pela Medicina, e a Obstetrícia conquistou-me no dia em que assisti à magia de um parto. Lisboeta de nascença, cresci na margem sul e acabei por vir para o sul do país, onde trabalho actualmente depois de ter feito a especialidade de Ginecologia e Obstetrícia. 
Mãe malabarista, divido-me entre a família que adoro, a paixão pela profissão exigente, o desafio de ser saudável e um amor de sempre que é escrever. 
O blog Café, Canela & Chocolate tem um bocadinho de cada um dos meus mundos.

Adoro os meus filhos e todos os dias são extraordinários com eles. 
A Mariana é a mais velha, o Pedro o mais novo.
O Café, Canela & Chocolate começou quando o Pedro era pequenino, a Mariana tinha 4 anos, eu estava no período da licença de maternidade e adorava viajar pela blogosfera. Muitas das vezes em busca de ideias, inspiração, conselhos, ou só para saber que alguém estava a passar pelas mesmas coisas que eu ( e que afinal eu não era doida de todo).
E afinal eu também tinha episódios giros para partilhar, e adorava escrever.
E foi nascendo devagarinho este Café, Canela & Chocolate, um blog com o nome de coisas que adoro, um cantinho escrito com paixão, em jeito de desabafo.
Foram surgindo partilhas de programas em família, de roupas que gostamos de usar cá por casa, de viagens que fizemos e recomendamos, de sítios que valem a pena visitar. Episódios divertidos dos meus miúdos ou reflexões de mãe - e de mulher.


Este foi sempre um blog pessoal, com as coisas que eu gosto e me apaixonam - mas o meu lado de médica Ginecologista-Obstetra começou-me a sussurrar que esta era também uma boa maneira de partilhar informação útil para as mães, para as grávidas, para as mulheres. 
Por isso, o blog tem crescido e cada dia que passa, fico mais feliz com o feedback que recebo, entre mails e comentários, é bom saber que estão desse lado. 
E o blog trouxe-me muitas pessoas especiais, muitas coisas boas, muitos amigos do coração. 
Escrever, e ler, acaba por me fazer sentir que nos sentamos para beber café e conversar. Entre amigos.





30
Nov14

Lazy sundays


Sofia Serrano

Eles acordam cedo, como de costume. O fim de semana não é excepção. Mas a vantagem de estarem mais crescidos é que ficam os dois no quarto a construir casas com legos ou a ler livros, e os pais podem dormir mais uns instantes.
Os Domingos em casa são dia de panquecas. A M. devora panquecas ( e eu e o pai), o Pedro não gosta muito e prefere fruta e iogurte (é o saudável da família, como costumamos dizer!). Eu gosto de me levantar, ligar o rádio antigo que está na cozinha e pôr o CD do Luís Represas.  A receita cá de casa é muito simples: um copo de farinha, um copo de leite, dois ovos, uma pitada de fermento, uma pitada de sal e 4 colheres de sopa de açúcar. Frigideira anti-aderente, um bocadinho de óleo, espátula e voilá, em menos de nada temos pequeno-almoço. Depois é só adicionar acompanhamento a gosto - eu sou fã de canela, a M. gosta de mel. Apesar da confusão matinal, é bom sentarmos-nos com calma e comermos sem horários nem obrigações.
Gosto de Domingos.


29
Nov14

Coisas de filha crescida


Sofia Serrano

Dezembro está a chegar, e os testes de final do 1º período também. 
Desengane-se quem achava que na escola primária era só fazer desenhos e picotagens, e ir aprendendo com tranquilidade as letras. 
Pois é, o 1ºano dito "moderno" (que o meu era o antigo!) anda a um ritmo alucinado, e ainda não chegamos a Dezembro e eles já sabem ler e escrever muitas frases. E
 andam entretidos com a matemática e o estudo do meios, o inglês e a música, para além do português. 
Há TPCs quase todos os dias e este é o fim de semana de trazer a mochila bem pesada para casa, com todos os livros para estudar para os testes que aí vêm. 
Hoje é dia de mãe e filha se sentarem para relembrar o que ela já aprendeu, e treinar o que ainda não sabe assim tão bem. 
Mas há mais para fazer, para além de estudar, que afinal ela tem 6 anos e precisa de tempo para brincar, para pular e dançar, e acima de tudo para sonhar :)


29
Nov14

Cantinhos de estudo para os mais pequenos


Sofia Serrano

Aqui por casa, com a entrada da Mariana para o 1º ano, passámos a ter TPCs e testes para preparar! E por isso, nada melhor que organizar um espaço em casa onde ela possa fazer os trabalhos da escola confortavelmente, ou só sentar-se a desenhar e a pintar (uma das coisas que adora fazer, logo que acorda!). Claro que o irmão também gosta de a acompanhar e dar azo à imaginação, por isso é obrigatório haver espaço para dois.
Pode ser uma boa ideia reciclar peças antigas e aproveitar pequenos espaços que não estavam a ser usados para arrumação extra - lápis, cadernos, folhas...
Há muitas ideias giras no Pinterest, deixo-vos aqui algumas das que nos inspiraram a criar o cantinho deles:













27
Nov14

Dias de chuva


Sofia Serrano



Não sei como está por aí, mas aqui chove continuamente lá fora desde ontem. Não há vontade para sair da cama, mas lá tem de ser, que a vida não pára por umas pingas de chuva. Mas era bom poder ficar na cama, ou pelo menos no conforto do lar, acordar devagarinho, ter tempo para espreguiçar, para um pequeno-almoço demorado em família, para conversarmos com calma. Mas não. Esta vida é assim, sempre a correr. Os dias passam num instante, e passamos o tempo a ansiar por um fim de semana, que vai e vem em segundos (parece-nos). 
E porque a época que aí vem é de coisas boas, leiam este post e adiram ao desafio que lá vem - e se puderem deixem em comentários algumas instituições para onde deixar roupa e brinquedos, para eu colocar como sugestão, pode ser?




26
Nov14

A data certa para a árvore de Natal


Sofia Serrano

Quando eu era pequena, o Natal só começava a sério em Dezembro. 
Era em Dezembro que montávamos a árvore de Natal, era em Dezembro que surgiam os enfeites nas ruas, as luzes e a música. As lojas começavam a ter decorações de natal e começávamos a pensar no dia em que íamos estar todos juntos para uma refeição especial, e se tivéssemos sorte, até podia ser que o pai natal se lembrasse de nós e nos deixasse uma lembrança.
Agora, ainda mal tirámos o bikini, e já começam a aparecer chocolates e bolos de Natal nos hipermercados, mega-promoções supostamente imperdíveis para se começar a consumir logo em setembro mil-e-um-presentes que se calhar nem precisamos de oferecer. Em outubro já se começa a pensar em kits-de-natal para os mais pequenos e multiplicam-se os mercaditos recheados de ofertas natalícias imperdíveis. Em novembro, cada centro comercial comemora a chegada do seu próprio pai natal, e os miúdos andam baralhados porque afinal o pai natal só devia vir na noite de 24 ( e devia ser só um e não mais de 50, com o dobro dos ajudantes  e renas de plástico).
Quando começa o mês de Dezembro, já quase toda a gente tem a árvore de natal montada e a casa enfeitada há mais de um mês e já se perdeu a excitação de estarmos a entrar no suposto mês mais caloroso e solidário do ano.
Toda a gente se esquece que o Natal é uma comemoração do amor e da família, e estamos totalmente focados em ter a decoração mais gira, a roupa mais gira, os miúdos têm de ter o kit mais giro, temos de oferecer as prendas mais giras, e ter a mesa de natal mais gira. Tudo ultra Top.
E o resto?
Afinal, o natal não é isto. Não é este consumismo desenfreado, que nos querem fazer acreditar que é fundamental. Não é ter a sala mais trendy, nem a árvore com a decoração-último-grito-da-moda, nem a roupa com mais pinta.
Sim, eu gosto de montar a árvore para me lembrar que vem aí uma data especial. Gosto de ir na rua, sentir o frio e ouvir músicas de natal e cheiro a castanhas assadas. E claro que gosto de roupa, de presentes, de decorações. Mas acima de tudo, gosto que esta seja uma época de amor e partilha.
Por isso, aqui em casa, o Natal começa em Dezembro. Montamos a nossa árvore nessa altura (e sim, é daquelas de plástico, porque a floresta agradece!), geralmente nos primeiros dias do mês. Fazemos os presentes que oferecemos à família, porque assim têm mais significado (podem ser frasquinhos com biscoitos, como fizemos o ano passado). E acima de tudo, tentamos fazer algo pelos outros - que pode ser, simplesmente, escolher brinquedos e roupa em bom estado, que já não são usados, para dar a quem precisa. E nos dias que correm, há cada vez mais gente a precisar de ajuda.

Por isso, lanço aqui um desafio: vamos fazer a diferença neste natal. E não é pela roupa nem pela decoração, é pelo coração. Procurem em casa roupa em bom estado para adulto e criança, e brinquedos, e ofereçam a uma instituição perto de vocês, ou às famílias que sabem que têm necessidade.


25
Nov14

Dias de café


Sofia Serrano


A semana de trabalho começou já domingo à noite. 
Hoje estou outra vez de urgência, por isso, o modo vai ser extra-café. 
Respirar fundo e dar o melhor - no trabalho e em casa, que dois miúdos precisam de atenção, de uma companheira de brincadeiras, de uma amiga para contar as peripécias do dia, de uma mãe para ensinar regras e valores. E a miúda precisa de rever o que deu neste primeiro período, que a próxima semana é de testes. 
Eu confesso que o que precisava mesmo era de uns dias num spa algures num sitio isolado, sem ouvir notícias sobre o Sócrates, sobre vistos dourados, sem sabe que estão a perguntar nas entrevistas para trabalho às minhas colegas médicas se estão a pensar engravidar (e seleccioná-las com base nisso), sem ouvir que mais de 200 médicos vão ficar sem poder trabalhar por não estarem organizadas as vagas a nível nacional.
Um spa era bom.
Mas entretanto, fico-me pelo café - e pela energia positiva, para ir sobrevivendo.
24
Nov14

Christmas mood by LEGO!


Sofia Serrano

A época natalícia foi oficialmente aberta este sábado com a festa de Natal da LEGO!
Foi num sítio maravilhoso, a Fortaleza do Guincho, onde tudo está à medida para nos sentirmos num verdadeiro castelo. E a festa não podia estar mais no espírito natalício, com decoração e comida a rigor. Música de Natal, sonhos, fatias douradas, gente gira e acima de tudo, muitos, muitos Legos e actividades para os mais pequenos, que passaram uma fantástica manhã! ( e os Legos são dos melhores presentes de Natal de sempre!)
Mas não foram só os mais pequenos que se divertiram, como podem comprovar pelas fotos: houve um conjunto de bloggers que se divertiu à farta com a máquina fotográfica e os acessórios de Natal - e mais uma vez, foi excelente estar convosco, Sara, Filipa, Paula, Magda, e adorei conhecer-te pessoalmente Mariana!
























Pág. 1/3

Os meus livros

Captura de ecrã 2016-09-20, às 20.46.51.png

capa_formato_real-04.jpg

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D