Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Café, Canela & Chocolate

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Café, Canela & Chocolate

07
Jul17

Desculpem, mas não consigo ser o que esperam de mim


Sofia Serrano

Cgqnx7dWsAASjf2.jpg

 

 

Não consigo ser a blogger que esperam que seja. 

 

Não consigo ter uma vida perfeita, daquelas que aparecem em tons suaves no instastories, com uma música de fundo bonita - a maior parte dos dias faço coisas extremamente aborrecidas para o instagram, como as rotinas do dia a dia, o trabalho, as idas ao supermercado, as tentativas de ser uma boa mãe que nem sempre correm bem. Tenho as responsabilidades do trabalho, as responsabilidades de mãe, as responsabilidades de cidadã, e tento dar o meu melhor em todas elas - mesmo que isso signifique que não haja tempo para sessões fotográficas ou para aparecer numa série de novos sítios e festas, que esperam que as bloggers estejam.

 

Não consigo estar presente nos eventos das marcas, para provar o croquete (ou iguarias mais requintadas) e colocar fotos dos produtos que estão a querer que venda nas redes sociais, em troca de um fato de banho novo ou da nova marca de cremes.

 

Não consigo escrever sobre coisas em que não acredito, mesmo quando me tentam convencer que de forma camuflada tudo se vende - e eu se eu o fizer, posso ganhar bom dinheiro. Lamento, mas não sou eu.

 

 

Não consigo alimentar polémicas pra ter mais visualizações, nem anónimos. Gosto de boas energias - o blogue tem o nome de coisas que eu gosto, exatamente por isso : café, canela e chocolate. Penso numa boa conversa entre amigos com estes ingredientes.

 

Percebi há pouco tempo que é por tudo isto que tenho escrito menos, que tenho menos vontade de correr para o computador para atualizar o blog - este mundo virtual de bloggers, agências, meios de comunicação é complicado, e a maioria das vezes muito pouco verdadeiro. Sinto-o cada vez mais como um mundo fast-food, um mundo de plástico,  onde interessam os números, as vendas de produtos, as visualizações. Onde as pessoas se transformam e perdem a sua essência.

 

Não quero isso. Quero que este blogue continue o que sempre foi: o meu blog. O meu espaço para escrever, sobre o que me apetecer. O espaço para falar sobre as nossas viagens, sobre os nossos dias, sobre as nossas escolhas. Um espaço para contar histórias. Um espaço que me inspire, que inspire. Genuíno.

 

Por isso, não consigo ser uma blogger, aquela que esperam de mim.

Mas vou ser sempre uma miúda, com um blog. Mesmo que não seja o mais mediático, o mais falado, o que ganha prémios ou o que aparece nas revistas e na televisão e rádio.

 

E o melhor de tudo é saber que posso fazer a diferença na vida de alguém, quando falo sobre as coisas, quando conto histórias, quando partilho refexões. Obrigada a todos os que lêm, a todos os que me enviam mails e confiam em mim.

 

 

Por aqui, continua a haver Café, Canela & Chocolate. E as conversas genuínas entre amigos.

 

29 comentários

Comentar post

Pág. 1/3

Os meus livros

Captura de ecrã 2016-09-20, às 20.46.51.png

capa_formato_real-04.jpg

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D