Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Café, Canela & Chocolate

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Café, Canela & Chocolate

17
Dez14

Dias de mãe-médica


Sofia Serrano


Sabes que não tens o melhor aspecto quando chegas ao trabalho, para iniciar 24 horas de urgência, te diriges ao ponto digital e alguém se cruza contigo e diz: "Bom descanso, Dra!". A sério, não há nada pior que ter a sensação de estar com olheiras e com mau aspecto. Mas pronto, o dia não prometia, depois da fantástica noite com a M. a acordar com pesadelos e o P. a aparecer no nosso quarto depois de ter feito xi-xi na cama - aquele fantástico evento, em particular quando é inverno e está um frio de rachar, e é preciso despir o miúdo, lavar o miúdo, mudar roupa (miúdo e cama) e convencê-lo a ficar na nossa cama a ver se tudo se resolve mais rapidamente, incluindo a parte de voltarmos todos a dormir. 
Claro que o clássico é o despertador tocar assim que voltamos a adormecer, temos de nos levantar contrariados, e estas aventuras nocturnas deixam toda a gente mais birrenta e com pouca paciência. Portanto, manhã caótica, com mãe a sair sem tomar pequeno almoço e sem conseguir por um corrector de olheiras ou um BB cream, para conseguir chegar a horas ao trabalho. 
E como estes dias que começam mal, têm tendência a continuar, o caos manteve-se todo o dia, e só mesmo quando o movimento começou a diminuir é que consegui uns minutos para saborear um café com canela. E depois tudo se foi orientando, porque a tendência do universo é para a harmonia. 
E o remate das 24 horas de urgência foi um dos partos mais lindos que há: dois gémeos a nascer de parto normal, pais enamorados, equipa rendida ao momento.
Mesmo nos dias mais difíceis, temos de acreditar que tudo pode melhorar. 

(e hoje tenho o dia só para os meus miúdos - era tão bom se conseguissemos dormir uma boa sesta juntos para acabar com estas olheiras!)

16
Dez14

Pequeno-almoço de príncipe


Sofia Serrano


Sabes que tens de deixar de levar o teu filho a hotéis quando ele acorda, lhe perguntas: "Amor, o que queres para o pequeno-almoço?" e ele te responde: "Mamã, quero se faz favor: iogurte, e leite, e papa, e pão, e queijo, e fiambre, e fruta, e panquecas!". E convencê-lo que uma mãe normal, num dia normal, não consegue dar conta destes pedidos todos? Pois.
Vou só ali fechar-me na cozinha.
25
Jul14

É sexta-feira, amor


Sofia Serrano



Coisas boas de acordar sexta-feira de manhã cedo: saber que amanhã é sábado. 
Que provavelmente a hora de acordar é idêntica, mas que podemos passar a manhã calmamente em família, entre mimos e panquecas. 
Ou comer um iogurte num instante e correr para a praia, para aproveitar o dia desde o início. 
Dormir uma sesta (muito provavelmente eu e o pequeno, que a princesa da casa não está para essas coisas e o pai também não). 
Brincar, ouvir birras, fazer cócegas, comer gelados. Ir ao parque e beber um café com os amigos.

É sexta-feira.




24
Jul14

Até as princesas andam com a vida difícil


Sofia Serrano

Ouvia-a dizer que se ia vestir de princesa. 
E era a sério, não a brincar como das outras vezes. 
"A sério"? - perguntei eu.
"Sim, mãe. As princesas vestem várias camadas de roupa, não é só o vestido, sabias?"

Esteve uns valentes minutos entretida a pôr saias de tule, collants e tops uns por cima dos outros, e finalmente o remate final com o vestido de princesa que adora usar.
E veio jantar assim - mas mal conseguia andar, porque ainda foi buscar uns sapatos de salto alto.
Também não foi fácil sentar-se e ajeitar o vestido.
E ao fim de alguns minutos, depois de muito se torcer e ajeitar para ficar confortável (sem sucesso) lá diz:

"Sabes, isto de ser princesa não é tão bonito como parece. Estas camadas fazem comichão...e nem me consigo sentar bem!...Afinal ser princesa não é fácil."

(e pediu para se levantar e foi trocar de roupa - para "normal", como ela diz. E lá jantamos descansados, que ser da realeza dá muita complicação)



24
Jul14

Os madrugadores


Sofia Serrano


Era perfeitamente capaz de dormir mais, muito mais...mas há piolhos eléctricos cá em casa que mesmo antes do despertador tocar ( e toca bem cedo!) já se enfiaram na cama dos pais e de repente já estamos todos levantados. Iogurtes e cereais preparados, fardas vestidas, penteados feitos (sim, há todo um ritual diário da escolha do penteado da M., que tem a ver com a luz do dia, o vento e o sonho da noite anterior - por isso a mãe é uma hair stylist da miúda logo de manhã e não há margem para falhas)
E pronto, há trabalho e escolas para ir...e resta sonhar com o fim de semana que se aproxima - no nosso sítio preferido.
20
Jul14

Passamos mais tempo no facebook...


Sofia Serrano

...que com os nossos filhos?
Parece que sim. Pelo menos segundo o estudo do IKEA sobre como passamos as manhãs.
Dizem, que de manhã gastamos em média 15 minutos a aceder a redes sociais, 3 vezes mais tempo que o que gastamos nas rotinas matinais com os nossos filhos (*Estudo IKEA “Life at Home Report” disponível em http://lifeathome.ikea.com)

(as boas noticias é que a 25 de Agosto chega o novo catálogo IKEA, a nossa fonte de inspiração para a casa e agora numa impressão sustentável! yes!!)






Os meus livros

Captura de ecrã 2016-09-20, às 20.46.51.png

capa_formato_real-04.jpg

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.