Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Café, Canela & Chocolate

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Café, Canela & Chocolate

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Segredos de mãe #1 : arnica

20.07.14 | Sofia Serrano
Desde que nos tornamos pais, que a nossa vida dá uma volta: um amor maior enche-nos o coração, mas a vida muda completamente. Deixamos de ter sonos descansados e rotinas organizadas, em que conseguíamos comer refeições a horas (e comer comida quente!) e passar tempo sentados no sofá a ler uma revista ao final do dia, para passarmos a centrar o nosso mundo neles. 
E miúdos são miúdos: são fofinhos e queridos, com gracinhas e saídas de nos deixar de sorriso de orelha a orelha, mas também saltam, pulam, gritam, brincam e agitam uma casa - e a vida.
Ora bem, sendo eles pequenos e não tendo noção dos perigos que por aí espreitam, já se sabe que , mesmo que uma mãe mantenha uma vigilância-de-águia 24 horas por dia, pode haver um pé colocado no local errado, ou um salto mais efusivo e pronto. Lá temos um galo ou uma nódoa negra noutro lado qualquer.
Para estas pequenas mazelas, descobri um truque que é absolutamente fantástico e comprovado: a arnica. Uma planta que tem propriedades calmantes e ao mesmo tempo hidrata a pele. A arnica reduz a inflamação, reconforta e suaviza. 
Cá por casa temos dois miúdos cheios de energia, em particular o mais pequeno, que acha que tudo é para trepar e saltar. E apesar de todo o cuidado, às vezes acontecem pequenas mazelas. Numa fase imediata, o gelo ajuda, mas depois o gel de arnica é quase mágico. O mais prático para usar para mim é o Mitosyl Gel de Arnica , que tem um formato pequeno (15ml) com rol-on, podendo andar na mala da mãe e solucionar rapidamente pequenos golpes.




Por isso, apontem: Mitosyl Gel de Arnica, formato pequeno, com rol-on, para andar sempre na mala. Vão ver que é um dos segredos de mãe que vai fazer um sucesso. Para ajudar a proteger os nosso pequenos aventureiros.









Passamos mais tempo no facebook...

20.07.14 | Sofia Serrano
...que com os nossos filhos?
Parece que sim. Pelo menos segundo o estudo do IKEA sobre como passamos as manhãs.
Dizem, que de manhã gastamos em média 15 minutos a aceder a redes sociais, 3 vezes mais tempo que o que gastamos nas rotinas matinais com os nossos filhos (*Estudo IKEA “Life at Home Report” disponível em http://lifeathome.ikea.com)

(as boas noticias é que a 25 de Agosto chega o novo catálogo IKEA, a nossa fonte de inspiração para a casa e agora numa impressão sustentável! yes!!)






Dicas para as grávidas #22: 6 dicas para aproveitar bem as férias grávida

18.07.14 | Sofia Serrano
Estamos no Verão e as férias grandes estão aí à porta. Então e as grávidas, podem viajar sem qualquer problema, precisam de cuidados especiais ou não podem viajar de todo?

Em primeiro lugar é fundamental que a grávida fale com o seu médico assistente com o assunto: o local das férias, o meio de transporte, a duração da estadia, o tempo de gravidez, se há ou não problemas associados à gravidez...tudo isto deve ser tido em conta. O médico aconselhará de acordo com o caso específico.
Depois de tudo ok, toca a planear as férias e gozá-las ao máximo - com os cuidados que as grávidas devem ter.


Ficam aqui 6 dicas para aproveitar bem as férias grávida:

1. Manter níveis baixos de stress
Toda a gente sabe que há sempre um grau elevado de stress associado às malas, chegada ao aeroporto, viagens de carro e tantas outras coisas que acontecem nas férias. E as grávidas beneficiam muito mais de uma vida tranquila. 
Mas isto não quer dizer que fiquem fechadas durante as 40 semanas da gravidez em casa (desde que esteja tudo bem, claro!).
Um truque é antecipar e planear tudo: 
- sair de casa com alguma antecedência, para não correr o risco de ficar preso no trânsito ou haver alguma complicação no caminho
- reservar o que for possível antes da viagem: os lugares no avião ( os do corredor são melhores porque a grávida precisa de ir várias vezes à casa de banho), refeições especiais (por exemplo, pode haver alguma restrição alimentar durante a gravidez), quartos de hotéis e pousadas (em vez de deixar para marcar à chegada e correr o risco de não ter quarto)
- não encher muito a mala, para que a grávida a consiga carregar. Idealmente usar malas com rodinhas e usar os carrinhos de transporte de malas assim que possível.
- tentar manter o bom humor, mesmo com filas ou atrasos. Sim, as hormonas da gravidez podem ser complicadas e fazer com que tenhamos vontade de gritar ou chorar, mas o melhor é focar na chegada e no relax que as férias vão proporcionar.

2. Manter uma alimentação adequada
Não é por estar fora de casa que a grávida deve abandonar os hábitos alimentares correctos. Por isso, é boa ideia levar na mala de mão barras de cereais, fruta ou triângulos de queijo (por exemplo) porque durante a viagem a grávida não deve ficar muitas horas sem comer, correndo o risco de ficar enjoada e com sensação de tonturas. 
A água também é fundamental, e a hidratação adequada permite que a grávida tolere bem a viagem e não desidrate - algo que acontece mais frequentemente em viagens de avião.
Depois da chegar ao destino das férias, devem-se fazer refeições de 2 em 2 ou 3 em 3 horas, equilibradas, sem comer muito de cada vez (grandes refeições causam mais azia) e com os cuidados habituais (por exemplo, não consumir carne mal passada).

3. Manter a energia
Gravidez não é doença, e a grávida pode manter a actividade física nas férias, se o médico assim o aconselhou. A grávida saudável pode fazer caminhadas, visitar museus e jantar fora, mas deve-se lembrar que vai ficar mais cansada que o habitual e que não terá o mesmo ritmo. Por isso, é boa ideia fazer passeios com calma e diariamente tirar umas horas para repousar, dormir uma sesta ou ler um livro na praia com as pernas mais altas. E se possível, usar e abusar do room service - uma grávida com energia aproveita muito mais as férias.



4. Ter cuidado com as pernas e pés
Sapatos confortáveis são fundamentais - devem ser bons para caminhar e largos o suficiente para se os pés incharem depois de uma viagem longa.
Longos períodos sentada deixam a grávida com pernas e pés inchados e podem desencadear caibras.  Por isso, nas viagens de carro é boa ideia parar a cada hora e meia para esticar as pernas e caminhar um pouco. Numa viagem longa de avião também é boa ideia levantar-se e caminhar um pouco. Quando a grávida estiver sentada, deve ir fazendo movimentos com os pés, para manter a circulação e prevenir coágulos. Se possível, elevar um pouco os pés (por exemplo, apoiá-los na mala de mão). Se o médico recomendar, as meias elásticas durante a viagem podem ser uma boa opção.
Também é uma boa ideia convencer o marido a fazer uma massagem regular às pernas da grávida ao final de cada dia, ajudando a diminuir o edema.

5. Informar-se sobre as vacinas necessárias

O ideal é ter feito todas as vacinas 3 meses antes de engravidar.
É boa ideia falar com o obstetra sobre o destino das férias para perceber quais os riscos em termos de doenças.
As grávidas devem evitar vacinas feitas a partir de organismos atenuados, como a febre amarela, sarampo, rubéola e outras, pela possibilidade de infectar a mãe e o bebé, e poder ter efeitos adversos. O ideal é recorrer à consulta do viajante e esclarecer caso a caso (esta consulta existe nos centros de saúde ou hospitais).


6. Escolher actividades seguras
Há muitas actividades físicas adequadas para as grávidas, como as caminhadas, natação ou ioga. A grávida vai conhecendo o seu corpo e vai percebendo o que pode ou não fazer. No entanto, há coisas que deve evitar:
- saunas e banheiras de hidromassagem muito quentes, já que se pensa que temperaturas elevadas no início da gravidez podem ser prejudiciais para o feto, e numa fase mais tardia podem baixar muito a tensão e dar sensação de mal-estar e desmaio.
- parques de diversões com mudanças bruscas de direcção e travagens abruptas. Aqui também se incluem escorregas aquáticos.
-mergulho e outros desportos que envolvam mudança de pressão.
- surf e equitação, porque têm risco de traumatismo abdominal.E quando a grávida estiver cansada, com calor ou desconfortável, é boa ideia diminuir o ritmo ou parar.

Boas férias!
(e se tiverem alguma dúvida específica escrevam-me para msofiaserrano@gmail.com)


Ideias para quem vai de férias para o Algarve

18.07.14 | Sofia Serrano

As férias estão a chegar e o sul do país é o destino de muitos miúdos e graúdos!
Praia, campo, parques aquáticos, zoo, festivais de marisco, concertos, passeios de barco e muita diversão são os programas mais desejados.

 
A Pumpkin, um dos sites mais giros e úteis para as famílias, reuniu um conjunto de actividades giras para quem vai de férias para o algarve.
Podem ver tudo aqui.
(e se nos virem digam olá!!!)

3 filmes que marcaram uma geração

16.07.14 | Sofia Serrano
Começo-me a sentir um bocado velha quando penso que há poucos filmes bons nos dias que correm. Quando digo bons quero dizer daqueles que dá vontade de ver, rever, saber as falas de cor e salteado, aprender coreografias. Pronto, pode ser que essas coisas sejam típicas da adolescência - mas a verdade é que já não há filmes como antigamente.
Ora digam-me lá se não se lembram destes 3 filmes:

1 - Pretty Woman

Quem não se lembra deste? Devo ter visto este filme umas 350 vezes. Ou talvez mais. Lembro-me de passarmos tardes com as persianas fechadas para parecer que estavamos no cinema, a ver o Richard Gere e a Julia Roberts. Ou melhor, a suspirar pelo Richard Gere e a desejar sermos a Julia Roberts. Era uma história de amor, tipo Cinderela moderna, eles eram giros e nós sabíamos já o filme de trás-para-a-frente, mas continuávamos a vê-lo nas festas de pijama (sim, isto aconteceu há muitos anos atrás!).




2 - Dirty Dancing

Ui! O Dirty Dancing! Tanto haveria para dizer sobre este filme...mas no final resume-se tudo ao salto. Sim, era fundamental saber toda a coreografia e desejar que nos aparecesse um Patrick Swayze bem treinado para nos elevar no ar, em glória. As músicas do filme eram gravadas em cassete e ouvidas a toda a hora e no recreio da escola treinavam-se passos e falas do filme.



3 - Top Gun

Repentinamente, toda a gente passou a AMAR aviões. A adorar fardas. E óculos de sol. A desenvolver técnicas apuradas de aproximação ao sexo oposto com músicas cantadas numa voz de semi-cana rachada. E o Tom Cruise era o maior.


(Pronto, confesso que estou com uma vontade ENORME de ir ali para o sofá e rever pela milionésima oitava vez (aproximadamente) todos estes filmes - com sorte, amanhã acordo outra vez com 16 anos.)








No lugar de Porto Côvo

15.07.14 | Sofia Serrano

É um dos lugares mais charmosos de Portugal.
Tem as típicas casas alentejanas, a boa comida, peixe e marisco de chorar por mais. 
Tem pessoas simpáticas e esplanadas para conversas até tarde. 
Pão quente a horas tardias, quando o jantar já lá vai. 
Tem praias de beleza ímpar, de água fria, mas com piscinas naturais únicas. 
Amigos que se re-encontram todos os verões.
Restaurantes na praia com os melhores petiscos e sumos
As lojas mais trendy para a gente gira que por lá anda.
Os sítios mais acolhedores para ficar, e para voltar muitas vezes.
Tem a Ilha do Pessegueiro e a música do Rui Veloso.
Tem um dos melhores festivais do verão.
E é o meu sítio de eleição para férias, onde volto sempre que posso. O nosso lugar.

E porque Porto Côvo é mesmo especial, o Café, Canela & Chocolate tem um super-passatempo para tornar as férias ainda melhores - em parceria com várias lojas de Porto Côvo, vamos oferecer a um leitor do blog:

- uma túnica com aplicações de renda Hipiie Chic
- uns Pompom shorts da Lovemade
- uma cesta Cereja
- um colar Boho Perola d´Areia
- um menu Hamburguer e Supra Sumo para duas pessoas no Praia Grande Caffé
- uma noite para duas pessoas no Ahoy Porto Côvo Hostel  (noite de 13 de Setembro)




Como é que se podem habilitar a ganhar este fantástico prémio?

É só seguir os passos abaixo:

- tornar-se seguido do blog "Café, Canela & Chocolate"
- fazer "gosto" na página do Café, Canela & Chocolate
- fazer "gosto" na página da Hipiie Chic
- fazer "gosto" na página da  Lovemade
- fazer gosto na página da  Cereja
- fazer "gosto" na página  Perola d´Areia
- fazer gosto na página do Supra Sumo 
- fazer "gosto" na página do Praia Grande Caffé
- fazer "gosto" na página do Ahoy Porto Côvo Hostel  
- partilhar a publicação original do passatempo a partir da página do Café Canela e Chocolate (partilha pública), identificando 3 amigos

Podem fazer até duas partilhas por dia.
O passatempo vai decorrer de 15 de Julho a 29 de Julho e o vencedor escolhido através do random.org
Boa sorte!







Férias numa nova perspectiva

14.07.14 | Sofia Serrano
Andamos quase todo o ano a sonhar com as férias: aqueles dias em que desligamos da rotina, em que conhecemos lugares novos, ou em que simplesmente não fazemos nada e aproveitamos para descansar.
Uma das coisas boas das férias são o sair da rotina e o ter novas experiências, conhecer novos lugares. Mas as férias podem ganhar um novo conceito - nas férias, também podemos marcar a diferença. E é uma excelente altura para levarmos os nossos filhos a conhecer outros sítios, outras realidades, outras pessoas. Para crescerem com a mente aberta, aliada ao respeito e à solidariedade. Para se tornarem cidadãos do mundo.




Foi com base na ideia de um turismo solidário que nasceu a impacTrip
Um conceito inovador em Portugal, uma empresa que acredita que os portugueses podem viajar de forma mais responsável e que o turismo pode combater as desigualdades sociais.
Esta é uma empresa 100% nacional, que nasceu do trabalho de 2 empreendedores, que sonham revolucionar a forma como os Portugueses viajam para que redescubram o seu país.

São alguns exemplos destes programas:

Eco-Mergulho: alia o mergulho lúdico e todo o maravilhoso fundo do mar com a limpeza de lixo marítimo.

Lisboa Pura: dá a conhecer o verdadeiro espírito de Lisboa, aliando visitas guiadas alternativas à cidade a acções de voluntariado que permitem conhecer uma Lisboa mais genuína.

Porto Autêntico: dá a conhecer o Porto dos bairros, das tradições e das pessoas que lá vivem sem esquecer as suas histórias e a história da cidade. Os viajantes poderão dar um contributo a projectos sociais locais e receber muito mais de volta.

Refúgio da igualdade: alojados em casas reconstruídas na tranquilidade do interior do país numa aldeia em Almeida (Guarda), os viajantes poderão ajudar uma organização social na sua missão de fazer terapia a jovens com deficiência, conhecendo também a região à sua volta.

Podem encontrar mais programas em www.impactrip.com - e contem com viagens diferentes que fazem a diferença.



10 coisas que ainda não sabemos sobre...Filipa Cortez Faria

11.07.14 | Sofia Serrano

A Filipa é nutricionista, criadora da Dieta 3 Passos, e uma das mães mais giras da blogosfera, com 2 filhos, a Carminho e o Salvador, e um terceiro a caminho. 


Apesar da vida preenchida, consegue conjugar a profissão com a maternidade e ainda tem tempo para o blog My Happy Kids e para organizar o maior evento de moda infantil a nível nacional, que já conta com várias edições em Lisboa e no Porto. O seu último evento aconteceu no dia 6 de Julho em Oeiras, integrado no Barrigas de Amor, e foi um sucesso. Ela aceitou o desafio do Café, Canela & Chocolate e contou-nos 10 coisas que ainda não sabemos sobre ela:


1. Em criança sonhava ser quando crescesse... 

Médica ou Arquiteta.


2. O livro preferido (aquele que se relê vezes sem conta). 

O Principezinho, que mesmo sendo um conto infantil é transversal a todas as idades, realidades sociais e etnias, já que descreve na perfeição os valores da amizade, do amor e do respeito pelo outro.


3. O programa preferido para fazer com os filhos. 

Viajar com eles dando-lhes a conhecer novas realidades, paisagens e estilos de vida.


4. A cidade perfeita para viver. 

Lisboa.


5. Um truque diário de beleza. 

Hidratar bem a pele todos os dias.


6. O sítio de eleição para passar férias.
 

A “casa da praia” no Algarve.


7. Os segredos da sua boa forma física. 

Uma alimentação saudável com restrição ligeira de hidratos de carbono.


8. O tamanho ideal para a família. 

5 parece-me um bom número, se bem que adorava ter mais uma menina.


9. Uma música intemporal. 

Garota de Ipanema de Tom Jobim, com Vinicius de Moraes.


10. Uma coisa que gostava de fazer mas que ainda não conseguiu. 

Voltar ao One & Only Reethi Rah nas Maldivas.


Obrigada Filipa!
Podem saber mais sobre a Filipa aqui e aqui.




Os must-have para o Verão (III): miúdos com pinta

10.07.14 | Sofia Serrano
Já todos sabemos que há roupa gira para miúdas a montes, mas no que toca aos rapazes, a coisa parece mais complicada, certo? Errado! Há muita coisa cheia de pinta para os nossos meninos, é só saber procurar e conjugar no estilo que mais gostamos de ver.
Eu sou fã de um estilo entre o vintage e o cool, com os acessórios que marcam a diferença. Mas acima de tudo, gosto de roupa prática e confortável, com cores de verão.
Ficam aqui algumas sugestões para os vestir este verão:

1,2,3 - Zara
4, 5, 6 - GAP
7-Piupiuchick
8 - MIM Castil

Dia em Família

09.07.14 | Sofia Serrano
O Barrigas de Amor foi mais uma vez um dia em cheio, com actividades giras para toda a família e muita diversão, um dia que não quisemos perder, e que ficou fantástico depois de uma manhã de chuva. E claro, tivemos também o Summer Kids Market com roupas cheias de pinta para os mais pequenos (e cheio de coisas giras para graúdos também!). 
A perdição desta família foi mesmo o burro Sebastião e a pónei Julieta (que os mais pequenos não queriam de todo deixar). 
Um beijinho especial para a Castelos nas Nuvens, que adoramos conhecer e para toda  família Barrigas de Amor, desde a organização até às mães bloggers, da qual faço parte com muito orgulho.





Muita coisa gira no Summer Kids Market. 


 Eles divertiram-se muito, entre póneis, insufláveis, gelados e corridas.

 Momentos de partilha: entrega do cheque donativo à Fundação do Gil, na companhia das outras mães bloggers: a Tânia Ribas de Oliveira (O nosso T2), a Sara (Definitivamente são Dois), a Rita Mendes (Barriga Mendinha), a Lénia (Not So Fast),  a Catarina Beato (Dias de uma Princesa) e Patrícia Saramago (Bicharocos Carpinteiros)

 Com a Catarina Beato (Dias de Uma Princesa)

 Com a Inês (a nossa Maravilhas da Maternidade, agora Eu, mãe)


O fotógrafo do evento :)

Os segredos das malas das mães

07.07.14 | Sofia Serrano
Ah, as malas das mães... 
Esses objectos simultaneamente maravilhosos e assustadores, porque lá de dentro parece sair sempre tudo o que é preciso em cada ocasião. Mas uma mala-de-mãe é um objecto refinado, que exige preparação e evolução ao longo do tempo - até que se chega à perfeição.

Tudo começa antes da maternidade. 
Nessa altura, temos uma mala-fashion (uma carteira, vá!), que pode ser desde um qualquer modelito da Zara até a uma chiquérrima Chanel ou Louis Vitton -tudo depende do gosto e da capacidade de investimento. Mas uma coisa que é comum às mulheres antes da maternidade é terem uma mala gira e recheada de maquilhagem para estarmos sempre bonitas, perfume, baton, verniz, um livro para as horas livres, telemóvel, carregador de telemóvel, uns comprimidos para a dor de cabeça, lenços de papel, entre outras coisas mesmo essenciais para nós - tudo cheio de pinta e com as marcas da moda.

Depois começa a (re)evolução

A gravidez induz mudanças importantes - e uma das coisas que inevitavelmente acaba por mudar com o nascimento de um filho é a mala. 
Portanto, a ida para a maternidade torna-se num acontecimento marcante: deixamos para trás a Chanel e pegamos numa mala-de-maternidade às florzinhas, risquinhas e folhinhos, que jurámos anos antes nunca tocar. E sim, parece-nos repentinamente o acessório mais glamoroso de sempre. Lá dentro cabem roupas de bebé, mantinhas, chupetas e outros itens de puericultura, e num canto lá colocamos uma base para (se nos lembrarmos) ficarmos com um ar menos assustador (porque parto e noites em claro não são acontecimentos fáceis), uns elásticos para o cabelo e pouco mais. 
E isto continua nos meses de licença de maternidade.
De repente, esquecemo-nos de vez das nossas malas de marca e rendemo-nos à mala-de-bebé, que serve para colocar no carrinho, e leva fraldas, biberões, roupa extra, chupetas e supositórios para uma febre inesperada, que é lavável, desdobrável e traz um muda -fraldas. Arranjamos um sítio para a nossa carteira e para as chaves e ficamos felizes da vida por não andar a carregar mais tralha.

Mas à medida que o bebé cresce e voltamos à rotina do dia-a-dia, dá-se o aperfeiçoamento da mala-de-mãe, até chegar ao seu pleno.
Com as hormonas de volta ao normal, queremos ser novamente mulheres normais - ou pelo menos, mães giras. 
Voltamos a olhar para as malas mais fashion e temos de as adaptar à nossa nova realidade: mães. A toda a hora. Em qualquer lugar. E temos de estar preparadas para tudo.

Por isso, na Chanel cabem agora toalhitas de bebé (que passam a ser o acessório mais importante de sempre para tudo e mais alguma coisa), chupetas extra, pacotes de bolacha para fomes inesperadas, comprimidos para as nossas dores de cabeça e supositórios para as febres deles, brinquedos variados (que muitas vezes não percebemos como foram lá parar), fraldas para emergências e até slings ou mudas de roupa. Tudo isto entre os nossos kits de maquilhagem, perfume, telemóveis e outros acessórios. Uma mala-de-mãe chega mesmo a ter também a carteira e o telemóvel do pai, porque tem espaço para tudo.

Portanto, uma mala-de-mãe é uma verdadeira mala-do-Sport-Billy. 
Mas sofisticada. Porque as mães modernas são mães com pinta.



Os anúncios de nascimento mais originais

02.07.14 | Sofia Serrano
O dia em que nasce o nosso filho é um dia importante. 
Um dos mais importantes da nossa vida. A partir daí, nada vai ser igual. 
Ficam aqui algumas boas ideias para o anunciar ao mundo - uma foto com elementos chave que identifiquem para sempre aquele dia especial: o peso com que ele nasceu, elementos alusivos à estação do ano, as notícias do dia. O nome. 
E muitas outras ideias, especiais para cada família.
Basta usar a imaginação ( e seguir estas imagens inspiradoras).