Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Com a Vaca que Ri sabe bem regressar às aulas!

Este ano a M. mudou de escola e passou a ter de levar o lanche para o meio da manhã. E isto implica, claro, a mãe ter imaginação para arranjar um lanche diário que ela goste e que seja nutritivo.
Confesso que não tenho muito tempo, mas tento sempre ir variando os lanches e ter a preocupação de lhe mandar fruta, uma fonte de cálcio e algo para dar energia. 
Para o lanche se tornar mais divertido e apetecível, uma boa ideia é ir construindo personagens (ao sabor da vossa imaginação!) com os elementos do lanche. Claro que o que ela quer sempre é fazer uma princesa para o lanche, que com um bocado de imaginação e alguns ingredientes é possível fazer!

Aqui fica a nossa receita para um "lanche-princesa":

O que vão precisar:
- 2 queijinhos A Vaca que Ri
- 1 maçã
- uvas
- 2 fatias de pão (pode ser integral ou branco, como preferirem)



Como construir a princesa (podem fazer logo directamente dentro de uma caixinha de plástico, que depois é só colocar dentro da lancheira):
- colocar as fatias de pão, que vão ser o rosto
- dispor as uvas para fazer o cabelo
- a coroa da princesa são os 2 queijinhos A Vaca que Ri
- a boca e os olhos fazem-se com bocados de maçã (fazem-se uns buraquinhos na fatia de pão para encaixarem e não caírem)

O resultado final é este:



E lá vai ela com a lancheira e o seu lanche real, muito satisfeita!




2 comentários

Comentar post