Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Café, Canela & Chocolate

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Café, Canela & Chocolate

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

16
Jan18

Confissões de uma médica #19: as prioridades dos médicos


Sofia Serrano

stethescope.jpg

 

 

Quando fazemos o juramento de Hipócrates, declaramos  "A saúde do meu doente será a minha primeira preocupação". Juramos com emoção neste momento que marca o início do nosso percurso como médicos, e acreditamos que nada nos vai fazer desviar deste caminho.

Mas a medicina não é nada linear e muito menos o trabalho dos médicos.

 

Todos os dias, lutamos para que a marcante frase seja verdade, tentando contornar escassos recursos nos hospitais, falta de pessoal, falhas nos programas informáticos, exaustão.

 

Tentamos que esta frase seja verdade mesmo quando nos exigem que realizemos consultas em 5 minutos.

 

Tentamos que seja verdade quando não paramos para almoçar para evitar que o tempo de espera aumente - e já nem o croquete ou a empada nos mata a fome num intervalo às quatro da tarde, porque o governo achou prioritário proibir a venda deste tipo de alimentos no serviço nacional de saúde, ao invés de promover a venda de alimentos saudaveis ou mesmo - na loucura! - de contratar mais pessoal para conseguirmos manter o SNS a funcionar e conseguirmos todos ter tempo para uma refeição saudável e completa a horas decentes.

 

 

Tentamos que esta frase seja verdade quando vemos doentes fora do nosso horário, damos o nosso contacto pessoal para que os utentes possam ter o apoio médico que necessitam, chegamos mais cedo para conseguir por programas informaticos e impressoras a funcionar para podermos fazer consultas.

 

Tentamos que esta frase seja verdade quando passamos horas sem beber água e nos esquecemos um dia inteiro de ir à casa de banho porque o tempo de espera na urgência é algo inimaginável e sabemos que estar doente e esperar para ser visto é das piores coisas que pode haver.

 

Tentamos que esta frase seja verdade mesmo quando depois de 24 horas de trabalho sem interrupções, a dar o nosso melhor em condições péssimas, temos de ouvir nos meios de comunicação social que os hospitais e centros de saúde estão a prestar um péssimo serviço.

 

E tentamos que esta frase seja verdade quando temos de faltar ao trabalho, porque o nosso filho está doente, mesmo que deixemos várias pessoas sem consulta - porque a saúde do nosso doente é a primeira preocupação, e todas as pessoas contam. Por isso, sim, os nossos filhos também são a nossa prioridade.

 

O que todos queríamos? Conseguir sempre que a saúde do nosso doente esteja em primeiro lugar : boas condições de trabalho e recursos humanos suficientes, para quando precisamos de faltar para dar assistência aos nossos filhos ou por estarmos doentes (porque os médicos também adoecem), os nossos doentes poderem ter na mesma consulta com outro colega. Saúde para todos, acessível a todos.

Porque a saúde é a prioridade.

 

 

9 comentários

Comentar post

Pesquisar

Bem-vindos!

Olá! Sou a M. Sofia Serrano S., Ginecologista-Obstetra, mãe de dois miúdos maravilhosos, apaixonada por escrita. Adoro café, canela e chocolate e aproveitar as coisas boas da vida! Neste blog partilho as nossas aventuras em família, os desafios de ser mãe, dicas para as grávidas e tudo o que é fundamental saber sobre a saúde da mulher. Também conto algumas das aventuras dos hospitais e partilho um bocadinho deste mundo da medicina. Fiquem por aqui!

Sigam-me

Contactos

msofiaserrano@gmail.com

Novo Livro

Os meus livros

Captura de ecrã 2016-09-20, às 20.46.51.png

Comprar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D