Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Café, Canela & Chocolate

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Café, Canela & Chocolate

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Ter | 23.06.15

Dicas para conseguir levar dois miúdos à praia (sem ajuda)

Sofia Serrano
Qual o grau de coragem necessário a uma mãe para se decidir a levar sozinha dois miúdos à praia? Entre o médio e o elevado, mas se estão de férias com eles, está um tempo espectacular, mesmo a pedir um mergulho e não têm ajuda nestas aventuras, então o melhor é seguir as dicas aqui de casa e rezar para que tudo corra bem:

1. Arranjar um saco de praia grande, que dê para pôr tudo o que precisamos e tenha alças largas para o podermos levar ao ombro. Nada de cestas (difíceis de transportar) ou sacos com rodas, que são chatos de arrastar pela areia. Levar água e fruta para o meio da manhã, e um fato de banho para mudar para cada um.

2. Antes de sair de casa, combinar com os miúdos as regras da praia: brincar junto às toalhas, não ir para a água sem a mãe, andarem de mãos dadas nos percursos necessários (e outras que se lembrem).

3. Escolher uma praia em que se consiga estacionar perto do areal, para não ser um drama chegar à beira-mar com duas crianças e toda a tralha atrás.

4. Levar o mínimo necessário: a mais velha leva uma mochila com brinquedos (tem de ir leve para não haver dificuldade), toda a gente leva chapéu e vamos a horas de "sol bom" (das 9h às 11:30h) para não ser necessário chapéu de sol. Toalhas idealmente das mais leves (como estas). Se um dos miúdos for pequeno, um sling é óptimo para o levar no percurso para a praia (este ano, o Pedro já não quer saber do sling e vai de mão dada com a irmã).

5. Escolher um sítio perto da água, para haver areia molhada para os castelos, para se conseguir construir uma piscina e para poderem andar a molhar os pés sob a vigilância constante da mãe.

6. Assim que se chega à praia, pôr-lhes protector 50, chapéu sempre na cabeça e braçadeiras.

7. Manter o olhar de águia a toda a hora (não vale a pena pensar em levar um livro, é mesmo para estarmos com eles na praia). 

8. Entretê-los com castelos de areia decorados com conchinhas, pistas para os carros (com túneis) e enche-los de areia para lhes fazer uma cauda de sereia ou pernas de polvo (os miúdos cá de casa adoram estas brincadeiras!). 

9. Manter sempre a calma e o bom humor - porque já se sabe que há sempre coisas que correm de forma imprevista quando falamos de crianças na praia.


7 comentários

Comentar post