Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

Conversas de uma mãe, que é médica Ginecologista/Obstetra e adora escrever. Com sabor a chocolate.

E afinal o Mundo não acabou (parece)

E afinal o Mundo não acabou.
Ou então acabou e ninguém deu por nada.
Andamos todos tão imersos em crise, desemprego, austeridade, que nem nos apercebemos bem do que se passa à nossa volta. Ou passamos os dias a tentar comprar prendas de Natal e coisas que não precisamos, engrossando filas e filas nos Centros Comerciais, só para dizer que afinal este ano também conseguimos comprar tudo o que queríamos, mesmo sem subsídios, porque com mais um empréstimo do banco (que não vamos conseguir pagar nunca), tudo se vai resolvendo.
Se calhar o mundo acabou e não demos mesmo por nada. 
Como no final do Lost.
Se este mundo acabou, gostava que o novo mundo onde vivemos fosse melhor. Houvesse mais paz, mais amor. Menos consumismo. Menos desigualdade.Que as pessoas se preocupassem mais com as pessoas e menos com o dinheiro. Que ficassem felizes por ver um nascer do sol ou dar um mergulho no mar, ao invés de delirarem por receberem um iPad ou o último iPhone, ou três malas de marca.
Gostava que neste novo mundo, o Natal fosse mais um dia em que a família se reunia à mesa, para conversar e partilhar, sem presentes, só com a dádiva de estarem juntos e terem o privilégio de poderem viver neste nosso maravilhoso planeta que é a Terra.

(foto: Google imagens)

Para seguir o Café, Canela & Chocolate no facebook é aqui.